Dogalmar - Dogues Alemães

Estalão da Raça


CABEÇA

Em harmonia com a sua aparência geral. É longa, estreita, bem marcada, muito expressiva. Nunca em forma de cunha. Suavemente cinzelada (especialmente a zona por debaixo dos olhos). A distância desde a ponta do nariz ao stop e desde o stop até à saliência occipital levemente definida, deverá ser a mesma, na medida do possível. A linha superior da cana nasal deve ser paralela com a linha superior do crânio. Vista de frente a cabeça deve parecer estreita e a cana nasal o mais larga possível.

Região Craniana
Crânio: arcadas supra-ciliares bem desenvolvidas mas não salientes
Stop: bem definido

Região Facial
Nariz Bem desenvolvido, mais largo que redondo com orifícios nasais bem abertos. Deve ser de cor negra, com excepção da variedade Arlequim (manchas brancas e negras). Nestes últimos é desejável um nariz negro, no entanto toleram-se pigmentações em mariposa (parcialmente pigmentado) ou de cor carne. Na variedade Azul, o nariz é de cor antracite (preto diluído).
Chanfro Profundo e tão rectangular quanto possível. Cana nasal nunca deve ser côncava (forma de prato), convexa (nariz romano) ou descaída para a frente (nariz de águia)

Lábios Comissuras dos lábios bem definidas, nem muito pequenos nem demasiado pendentes ou enrolados para dentro. Lábios com pigmentação escura. Na variedade Arlequim são tolerados lábios com pigmentação parcial ou de cor carne.
Mandíbulas/Dentes Maxilares largos e bem desenvolvidos. Mordida forte em tesoura. Dentição sã e completa (42 dentes de acordo a formação dental habitual.). Qualquer desvio a uma completa dentição em tesoura (excepto falta de PM 1, na mandíbula inferior), é altamente indesejável.
Faces Músculos levemente definidos e de maneira nenhuma protuberantes
Olhos De tamanho médio, com expressão viva, amável e inteligente. Preferencialmente escuros, em forma de amêndoa, com pálpebras bem aderentes. Não muito juntos nem muito separados. Deverão ser escuros quanto possível; os olhos claros penetrantes ou âmbar são indesejáveis. Na variedade Azul permite-se uma coloração mais clara dos olhos. Na variedade Arlequim toleram-se olhos azuis ou mesmo de cor distinta entre eles (anisocromía).
Orelhas De inserção alta, naturalmente pendentes; não devem estar acima da linha do crâneo ou demasiado baixas. De tamanho médio. Os bordos frontais pendem junto às faces, mas não podem ser coladas, nem demasiado afastadas.

 

PESCOÇO
Longo, seco, musculado, nunca curto nem grosso. Bem inserido afunilando levemente até à cabeça com uma linha arqueada. Porte erguido com uma leve inclinação para diante, mas nunca "pescoço de ovelha". Barbela é altamente indesejável.

 

CORPO
Garrote É o ponto mais alto do corpo forte. É formado pela parte mais alta das espáduas e estende-se para além das saliências vertebrais
Dorso Curto e firme numa linha quase recta descaindo levemente para a parte posterior. O dorso nunca deve ser comprido nem ascender para a parte posterior.
Rim Ligeiramente arqueado, largo, fortemente musculado.
Garupa Larga, com forte musculatura, ligeiramente descaída desde o sacro até à inserção da cauda com a qual se funde imperceptivelmente. Nunca deve descer abruptamente ou ser completamente plana.
Peito Desce até à articulação dos cotovelos. As costelas bem arqueadas estendem-se bem para trás. Nunca devem ser em forma de barril nem planas. De boa largura e profundidade, mas nunca deve apresentar lados planos ou falta de profundidade. Ante-peito bem definido, no entanto o esterno não deve ser  muito evidente
Linha inferior e ventre Ventre retraído até à parte posterior, formando uma linha curva moderada com o inferior do tórax. Não é desejável que as fêmeas apresentem uma linha inferior frouxa, após a maternidade